×

Erro

[SIGPLUS_EXCEPTION_SOURCE] Image source is expected to be a full URL or a path relative to the image base folder specified in the back-end but 2014/LUSONOTICIAS/ALENTEJO/Valle-das-Servas-apresMakro is neither a URL nor a relative path to an existing file or folder.

Vinhos Valle das Servas apresentados na MakroO produtor de vinhos Herdade das Servas e a Makro Cash & Carry promoveram, esta quarta-feira, a apresentação da nova marca de vinhos alentejanos Valle das Servas , na loja de Alfragide da empresa de distribuição grossista.

Inicialmente criada para exportação pelos irmãos Carlos e Luís Serrano Mira, proprietários da Herdade das Servas, a marca Valle das Servas está agora de chegada ao mercado nacional, com o lançamento de dois vinhos tintos, o Valle das Servas Selection tinto 2011 e o Valle das Servas tinto 2012, com posicionamentos médio alto e médio, respectivamente, conforme explicou ao LusoNotícias Artur Diogo, director comercial da Herdade das Servas.

De acordo com o produtor, são ambos vinhos de lote, com características alentejanas, mas com uma frescura e acidez notáveis, tendo o Selection tinto 2011 estagiado em barricas, durante um ano.

No âmbito da parceria recentemente estabelecida, os vinhos Valle das Servas estão, para já, apenas disponíveis nas lojas da Makro Cash & Carry, sendo o Valle das Servas tinto 2012 proposto por um preço de 3,79 euros mais IVA e o Valle das Servas Selection tinto 2011 comercializado por 6,29 euros mais IVA.

Vinhos Valle das Servas apresentados na Makro

Tendo em conta as características dos produtos e o panorama actual do mercado, Artur Diogo mostrou-se confiante quanto ao sucesso da nova marca e dos respectivos vinhos no mercado luso, admitindo que “as perspectivas são boas”.

No mesmo sentido foi a opinião transmitida por Bruno Tavares, comprador e “category manager” da Makro de Espanha e Portugal, que frisou acreditar em bons números em termos de vendas e adiantou ainda que os primeiros indicativos dos vinhos Valle das Servas no mercado são muito positivos, salientando o enorme potencial do canal Horeca. Precisamente esta ideia foi reforçada por Lara Oliveira, assistente comercial da Makro Cash & Carry Portugal, que revelou que o período inicial de comercialização destes novos vinhos alentejanos tem dado “bons indicadores”, destacando a importância nas vendas da equipa de funcionários devidamente formados para o atendimento ao cliente nesta área.

Numa altura em que a Herdade das Servas continua a seguir uma rota de crescimento gradual e sustentável, conforme sublinhou o director comercial do produtor de Estremoz, a parceria com a Makro parece trazer dividendos para ambas as partes, tendo os representantes das duas companhias mostrado o seu agrado pela celebração da mesma e olhando para o futuro com optimismo.

Características dos vinhos Valle das Servas

Vinhos Valle das Servas apresentados na Makro

Segundo o produtor, o vinho Valle das Servas Selection tinto 2011 conjuga numa só garrafa cinco castas, predominando a Touriga Nacional (40%), que afinou durante um ano em barricas de carvalho francês (70%) e americano (30%). As restantes variedades são a Alicante Bouschet, a Aragonez, a Trincadeira e a Syrah, que aguardaram em inox. Depois de estabelecido o lote, este vinho foi engarrafado e estagiou mais seis meses na cave do produtor.

“Com uma cor rubi escura, aromas profundos com nuances de frutos pretos muito maduros e notas de cacau e especiarias, é um tinto complexo, elegante, num conjunto bem estruturado de final agradável e persistente”, caracteriza a Herdade das Servas, acrescentando que se prevê uma boa evolução em garrafa, durante cinco a sete anos, desde que conservado na horizontal e num local fresco e escuro.

Por seu turno, o Valle das Servas tinto 2012 é descrito pelo produtor como “um vinho de consumo mais fácil, destinando-se ao dia-a-dia de um consumidor entendido”. Este produto inclui seis castas, nomeadamente Aragonez (40%), Alicante Bouschet (20%) Cabernet Sauvignon (15%), Touriga Nacional (15%), Touriga Franca (5%) e Castelão (5%), não tendo nenhuma delas passado por madeira.

“Apresenta uma cor rubi e aroma a frutos vermelhos maduros, integrados com especiarias. É um tinto envolvente e com boa estrutura, taninos redondos num consumo agradável e persistente”, refere a Herdade das Servas, na descrição deste vinho.

Texto e fotos: Sérgio Mendonça

{gallery}2014/LUSONOTICIAS/ALENTEJO/Valle-das-Servas-apresMakro{/gallery}

Pin It