Anselmo Ralph "junto aos fãs” no Casino Estoril

Anselmo Ralph "junto aos fãs” no Casino Estoril

Em formato acústico, o autor de “Única Mulher” permitiu um agradável espectáculo para o público que encheu o Salão Preto e Prata

IMG 6264-01Estar mais próximo do público pela música mas também pelo diálogo, num formato acústico mais intimista, foi o propósito de Anselmo Ralph ao estabelecer a tour “Anselmo Ralph – Junto a Ti – Acústico” , que passou esta quarta-feira pelo Salão Preto e Prata do Casino Estoril e que estará amanhã, sábado, no Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra.

PUB

Envolver os seus fãs na sua produção, dar-lhes conta até de alguns pormenores da "produção" de um ou outro dos seus temas, como “Única Mulher”, cantado duas vezes na mesma noite a pedido dos fãs, e com eles dialogar sobre amor, casamento e relações a dois, num registo descontraído e bem disposto, foi o que aconteceu nesta noite no Casino Estoril com Anselmo Ralph a cativar o público que encheu aquele espaço e saiu dali agradado com o espectáculo.

Depois de começar quase com meia-hora de atraso relativamente ao horário previsto, algo que não aborreceu minimamente o público que também não foi propriamente pontual, Anselmo Ralph surgiu em palco a interpretar exactamente a “Única Mulher”, tema que, como viria a explicar mais tarde, foi composto em "resposta" a uma ligeira discussão conjugal provocada pela saudade.

IMG 6122IMG 6130IMG 6162IMG 6169

De smartphones em riste, rapidamente as fãs deram conta de saber letras e músicas do artista que, bem disposto, manteve um diálogo quase permanente com o público. O tema, invariavelmente o casamento, nas suas dificuldades mas também nas alegrias levou-se a querer saber que tipo de casais tinha na sala, surgindo desde os namorados com relações de simples 24 horas, até casal que ali deu conta de um casamento de 55 anos, com dois filhos, quatro netos e dois bisnetos, e com detalhe de trabalharem juntos, o que resulta em 55 anos de convívio permanente.

“Promessa”, “Curtição” e “Mente para mim” foram temas que Anselmo Ralph interpretou enquanto os diálogos com o público continuaram, prosseguindo no alinhamento do espectáculo com temas como “Como dói”, “Todo teu” e “Ensina-me a amar”. A verdade, porém, é que não será fácil ensinar alguém a amar, mas Anselmo Ralph lá foi deixando alguns conselhos para manter o casamento mais “tranquilo”, receitas de sucesso pelo menos do seu ponto de vista que lá foram surgindo recheadas de boa disposição.

IMG 6199IMG 6233IMG 6257IMG 6261

“Está difícil”, “Por favor DJ”, “Não me toca” e “Muito obrigado” foram os temas que levaram o espectáculo quase até ao final, acabando ainda assim Anselmo por ceder ao pedido de uma fã para que pudesse repetir o tema “Única mulher”.

Quase duas horas depois de ter surgido em palco, Anselmo Ralph deu por concluído o espectáculo, numa noite que viria a permitir ainda ao cantor mais algum contacto com as fãs que esperaram no hall do Casino para uma pequena sessão de autógrafos. Bem disposto, sempre com um sorriso e uma palavra simpática, Anselmo Ralph fechou uma noite em que praticamente encheu a lotação do Salão Preto e Prata, justificando o porquê de ser actualmente um nome bem conhecido e acarinhado pelo público.

texto: Ana Cristina Augusto
fotos: Jorge Reis

IMG 6297IMG 6306-02IMG 6381IMG 6382

IMG 6323IMG 6399IMG 6415IMG 6423

Share

Copyright © 2012 LusoSaber - Todos os direitos reservados.