Com um comunicado curto transcrito para o Twitter em apenas duas linhas de texto, o Manchester United confirmou ao final da tarde desta terça-feira a rescisão de contrato com Cristiano Ronaldo por “acordo mútuo”. Agradecendo o contributo que o internacional português deu ao clube de Manchester nas duas passagens que teve pelo clube, o United dá assim por concluído um processo que tinha tido o episódio mais determinante na polémica entrevista concedida por Cristiano Ronaldo a Piers Morgan poucos dias antes de rumar a Portugal para integrar os trabalhos da Selecção Nacional de futebol visando a participação no Mundial do Qatar 2022.

Por seu turno, o próprio Cristiano Ronaldo veio também confirmar este “acordo mútuo” de rescisão através da página oficial da “Premier League” onde deu conta do sentimento que o une aos adeptos do Manchester United e que sempre unirá, destacando no entanto ser este o momento de encontrar um novo desafio.

O capitão da Selecção de Portugal que ontem, segunda-feira, tinha aparecido de surpresa na conferência de Imprensa garantindo que tudo estava resolvido e que o seu foco estava por inteiro na Turma das Quinas, poderá agora actuar no Qatar sem outras preocupações senão a de dar o melhor com a camisola de Portugal.

Pin It